Dicas para evitar roubos e furtos de carga

 Ford 0159 Não é de hoje que o cuidado com a carga dos caminhões merece uma atenção especial. De acordo com um estudo realizado pela GRISTEC (Associação Brasileira das Empresas de Gerenciamento de Risco e de Tecnologia de Rastreamento e Monitoramento), o número de casos em que houve roubos e furtos de cargas subiu de 2.500 em 1994 para incríveis 32.000 casos em 2013. O aumento é um alerta para que motoristas estejam mais atentos a diversos fatores, como essas 14 dicas de segurança que separamos.

Confira:

  • Recebeu sinal de estranhos? Não pare e nem dê carona.
  • Ao sair da transportadora  ou empresa, procure o caminho mais rápido para pegar a estrada.
  • Quando o caminhão ficar vazio, aproveite para fazer uma revisão, verificando novamente os pneus, a parte mecânica, elétrica, etc.
  • Caso seja abordado por assaltantes armados, a regra é nunca reagir.
  • Dormir em lugares desconhecidos é sempre um perigo. Procure o estacionamento de um posto de gasolina ou pare perto de um posto de Policiamento Rodoviário.
  • Mantenha o veículo fechado e sem a chave no contato para não abusar da boa sorte.
  • Quanto ao desembarque de carga: confirme se a mesma está em ordem e entregue a documentação.
  • Instalar sistema de alarme e segurança é sempre uma boa opção. Aproveite para fazer o seguro total (roubo, incêndio) também.
  • Nas paradas para refeição, abastecimento ou manutenção, evite comentar com alguém sobre a sua carga e para onde você está indo.
  • Nunca deixe documentos ou objetos de valor visíveis dentro do veículo.
  • Procure estacionar o caminhão em locais apropriados e com boa iluminação.
  • Quando estiver perto do destino, verifique o horário antes de entrar na cidade e calcule bem se haverá tempo para entregar a carga no mesmo dia.
  • Se não for possível, durma em um estacionamento seguro, de preferência com segurança armado.
  • Se tiver problemas com o seu caminhão, faça o possível para chegar até um posto de Policiamento Rodoviário. Ficar parado em lugares deserto pode ser um perigo.

 

Fonte: www.brasilcaminhoneiro.com.br